quarta-feira, abril 11, 2007

Puzzle

Falto-me, mas não me quero encontrar peça de um imenso puzzle de caras iguais. Prefiro continuar perdida debaixo do armário. Tanto tempo entre o pó que não encaixo entre os outros. Perdi a forma. Estranha forma de vida...

2 comentários:

Angel disse...

Oh! Odeio ler textos teus que me identifiquem e não ter sequer palavras para descrever os meus sentimentos! Fico-me pelo típico Adorei. *

AR disse...

perdida e...incompleta? mas livre!