quinta-feira, abril 26, 2007

Era uma vez...

...uma menina muito pequenina que andava aos pulinhos pra chegar às pessoas grandes. E toda a gente se baixava um bocadinho para falar com a alegre menina pequenina. Até que um dia a menina pequenina decidiu ser grande. Que ninguém se inclinasse mais sobre ela! Fechou os olhos e apertou as mãos com muita muita muita força e cerrou os dentes até doer enquanto na sua mente um desejo grande grande grande grande se repetia a uma velocidade vertiginosa. Grande, grande, grande, grand, gran, gra, gra... Quando abriu os olhos não conseguia ver, estava tão perto do Sol! Quando abriu as mãos doíam-lhe, eram muito grandes e pesadas! E a boca sabia a sangue dos dentes afiados! Não mais se inclinaram sobre a menina. Agora encolhiam-se. Tinham medo dela...

4 comentários:

xuxana disse...

é muito melhor ser pequenina, muito mais fácil, muito mais bonito e muito mais simples :)

**

AR disse...

isso lembra-me o mito do ícaro...que o prof de mutação insiste em falar em todas aS aulas!

Master Inutile disse...

Algo me diz que essa menina é um alter ego da Isis... ihihih

***

Alexx disse...

Como chegar a um meio termo??

Mal por mal prefiro ser pequenina... chegamos a todos os mesmos sítios que as meninas grandes e além disso cabemos nos sítios pequeninos =)