"Quem sabe se quer o que pensa, o que deseja? Quem sabe o que é para si mesmo? Quantas cousas a música sugere e nos sabe bem que não possam ser! Quantas a noite recorda e choramos, que não foram nunca!"

Fernando Pessoa

Passam noites e músicas, noites de músicas, e fica cada vez mais longe o romance que me fez viver. Fica cada vez mais ridícula a vontade que de o escrever. Hoje sou o que a fantasia me deixa ser. Mais que folhas de diário, sou folhas de sonho que escrevo com saudades de amar.

Comentários

Pakena Ticá disse…
Pois... às vezes apetece ser apenas aquilo que sonhamos... e pensamos :)

Bjinho**
Ninfa disse…
Somos todos fantasias e sonhos que nunca passarão disso....alguns deles ficarão nestas folhas digitais. MAs muitos deles irão existir. Porque não basta sonhar. Há que ser efectivamente, encarnar os nosso sonhos. Esperar, mas simultanemante agir. Não se pode parar a chuva, mas pode-se usar o guarda-chuva. percebes a metáfora?Nós podemos não poder fazer com que o certas coisas aconteçam mas podemos não perder as oportunidades..ter smp td preparado no caso d acontecer...
Alexx disse…
E enquanto fores sonho e fantasia podes flutuar pelos céus nocturnos e acalmar a alma para que quando a manhã chegar a realidade não te pareça tão distante... Porque o romance mais bonito não é aquele que já viveste mas aquele que ainda vais viver. Por isso, se é para ter saudades, tem saudades do futuro...

********