sexta-feira, outubro 11, 2013

Graças a Deus pelo Cinema

Em pequenos corações vivem grandes sonhos, daqueles de que são feitas as nuvens do céu e o dia mais bonito de verão. Acabei de desinstalar uma aplicação de voos no telemóvel. Uma operação tecnológica aparentemente sem poesia, se não encerrasse em si mesma uma tonelada de sorrisos e fotografias cancelados por uma simples tecla, "desinstalar". São coisas dos nossos tempos, enquanto os nossos pais marcavam no mapa os países a visitar, nós abrimos o lonelyplanet em busca de uma nova aventura. Mas num tempo de emigrantes licenciados de 20 anos, não há coração que aguente a estúpida ilusão de uma viagem a Nova Iorque e ao Japão. Graças a Deus pelo Cinema.

Sem comentários: