Nunca são as grandes coisas.

Nunca são as grandes coisas. Os grandes gestos espalhafatosos, cheios de jogadas estudadas. São sempre as coisas mais pequenas, como a tua mão pousada no meu cabelo.Como os teus braços discretos enrolados à volta da minha cintura. Como o teu sorriso iluminado pela lua. Ou os meus pés dentro da água fria do mar numa noite de Verão. No universo delicado de pequenos momentos-pétala em que o meu riso soa cristalino e se descobre, tal qual uma ostra que revela possuir uma pérola. E o meu riso-pérola caminha contigo de mãos dadas. Aí estou eu a cair num labirinto de sensações, mais uma vez, a inebriar-me em ti e na tua forma de me despertar de manhã. E na forma como sonho contigo mesmo a teu lado. Nunca são as grandes coisas, os violinos ou dares-me o Mundo de mão beijada. São pequenos universos paralelos que me ofereces, que possuem a beleza de uma música encantada, da minhamúsica favorita, que não é mais que o som da tua voz. Nunca são as grandes coisas. Os teus olhos cerrados no rumor de um beijo, o teu olhar de criança livre, os teus murmúrios e rebates apaixonados. E aí estás tu. E são sempre essas pequenas mas grandes, enormes, gigantes, exorbitantes e hiperbólicas coisas.

Comentários

isa86 disse…
E são sempre as pequenas coisas que fazem toda a diferença!bom texto
Ana Luar disse…
As grandes coisas tornam-se tão pequenas comparadas com as pequenas que nos fazem sentir realizados.
Nas pequenas coisas se encontram as mais belas ternuras de uma vida.
Anónimo disse…
nao entendo pq, mas as pequenas coisas sao consideradas por mt cm simplesmente.. pequenas coisas.
e sim, essas pequenas coisas as vezes dizem tanto. pelo menoa para mim, geralmente sao suficientes. bjinho*
Pakena Ticá disse…
E são as pequenas coisas que mais falta nos fazem. São as pequenas coisas q melhor nos fazem sentir... São as pequenas coisas as mais bonitas.
Bonito post:)
**
delusions disse…
concordo!gostei mt do texto...
bjs*
Eternal disse…
Gosto muito daquilo que tu escreves!
Beijinho Lunar
um olhar sorridente sempre valeu mais que o euromilhões...excepto se for jackpot :)
Hizys disse…
já tinha saudades. e sobretudo vontade. de ver que tudo o que é pequenino pode ser escrito com a maior suavidade, amor e brilho. =) um pequeno texto cheio de pequenas melodias... ;)
Racas disse…
Gostei bastante do teu texto, muito bonito. E cheio de razão também. São sempre as pequenas coisas.
Alexx disse…
Lindo cm sp... Gosto tt das pequenas coisas da vida :)